ORIGEM: Portugal

FORMA: Variável, sendo predominante as formas redondo ovada e oblonga cónico

PEDÚNCULO: Médio, entre 28 a 33mm

SUPERFÍCIE: Lisa

COR DA EPIDERME: Vermelha, a cor é por vezes bastante intensa nos frutos que se desenvolvem do lado exposto ao sol

CALIBRE MÉDIO: 60/65mm, tendo um peso médio de 130g

POLPA: De cor branca, consistente, crocante, suculenta, com baixa acidez, bom teor de açucar e aroma acentuado.

 

Conhecida também como "Maçã Baygent", esta maçã pertence à familia da Maçã Royal Gala.

 

Este é um produto que a Extrafrutas produz e comercializa em menor quantidade que a Pera Rocha do Oeste.

Vermelha Intensa

A Maçã Brookfield

Como comer uma Maçã Brookfield

Não confunda qualidade com tamanho. São duas características distintas. Se gostar de fruta crocante, deverá comprar frutos de menor calibre. Os frutos maiores são, em geral, mais fundentes.

 

A Maçã Brookfield pode ser comida das mais diversas formas:

  • Esta maçã pode ser comida com casca ou sem casca. Depois de lavada, a maçã é muito dietética quando comida com casca;

  • À mão, ou com faca e garfo;

  • Alguns consumidores preferem deliciar-se com uma maçã à temperatura ambiente, outros preferem consumi-la refrigerada;

  • Em saladas, em sandes, em bolos ou doces, em yogurtes, como acompanhamento de diversos pratos ou como peça de fruta.

 

 

Como conservar uma Maçã Brookfield
  • Se pretende consumir de imediato deve colocar a maçã na fruteira;

  • Se não deseja comer a maçã de imediato, deve guardá-la no frigorífico, na prateleira inferior, dentro da gaveta de frutas e vegetais;

  • Se pretende conservar durante um período longo (superior a 10 dias) não deve misturar maçãs com outros frutos, tais como, bananas ou kiwis, que aceleram a maturação das outras frutas.